AUTOATENDIMENTO

Estudantes desenvolvem projetos em escolas públicas
22/01/2018 - 08h00

O Programa Institucional de Bolsa de Iniciação à Docência (PIBID) possibilitou no semestre passado o desenvolvimento de oito projetos dos cursos das Licenciaturas da Uniso em escolas públicas de Sorocaba.
Os trabalhos envolveram 71 alunos bolsistas de Letras/Português e Inglês, Pedagogia, História, Geografia, Matemática, Artes e Química, que em parceria com 17 professores da Uniso e da Educação Básica, atuam nas escolas implantando práticas inovadoras de ensino.
Dentre as iniciativas estão horta comunitária, produção cinematográfica para ensino-aprendizagem de inglês, oficinas de produção textual, material didático para o ensino da Matemática, jogo de improvisação, vivências de música, experiências em Química e resgate da memória histórica familiar.
Dois desses projetos inclusive foram selecionados para apresentação em congressos na Universidade Estadual do Rio de Janeiro, na Unicamp e na PUC/SP, no fim do ano passado. Um deles sobre o trabalho desenvolvido por alunos de Letras para o ensino-aprendizado de língua inglesa que culminou com a produção de um filme mudo na escola. Outro projeto sobre Tratamento de Água, do curso de Química, consistiu na produção de um filtro com material reciclável, possibilitando a relação teoria-prática em sala de aula.
O PIBID é mantido pela Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES), do MEC, e tem como objetivos a valorização do Magistério e o aprimoramento da Educação Básica. Os projetos estão sendo desenvolvidos desde 2012 na Uniso.
“O programa tem sido muito importante para a formação do licenciando por permitir a aproximação in loco entre a teoria aprendida na Universidade e a prática docente”, finaliza a coordenadora do PIBID na Uniso, professora Maria Angélica Lauretti Carneiro.